Em parte, ir

Eu não te vi, mas

te senti bem aqui,

ao lado, sentada,

mão na mão, dadas,

colada ao coração

em oração.

Me vou,

a hora chegou

e urge agora.

Não chora.

Pode não acreditar.

Me olha.

Não vou abandonar

de todo.

Vigora,

a eternidade,

na humanidade

nossa.

Esta senhora

de todos destinos,

comprova que

estaremos sorrindo,

muito em breve.

Sob este sol lindo,

nossa paixão

escreve alheia,

deitada na areia…

Sossegue, sossegue.

(Roldan Neto)

fonte da imagem: post do autor no Facebook

Clique para conhecer mais trabalhos do autor em sua página “Poesia Estruturada”, no Facebook.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s